Compreendendo a Desorganização

Publicado no dia 14 de novembro de 2014


"Da mesma forma que o caos interno interfere negativamente no mundo externo, podemos encontrar tranquilidade quando vivemos em um ambiente organizado."


Pode-se ter informação sobre como a pessoa é observando sua forma de ser no mundo. O mundo interno, intrapsíquico e o mundo externo se comunicam. O sujeito percebe o meio ambiente e responde ao mesmo em função de suas próprias características tais como: interesses, hábitos, estado afetivos, desejos etc.

Dando um exemplo, se uma pessoa se veste sempre com cores alegres e vibrantes teremos a percepção de que esta pessoa é bem expansiva, emotiva e conectada com a vida. Se outra pessoa se vestir sempre com a mesma cor, por exemplo, gradações de bege, a impressão que fica é de ser uma pessoa mais conservadora, contida e metódica.

O mundo externo dá indicações de como está configurado o mundo interno. A desorganização externa pode indicar que existe uma desorganização interna. O contrário também é verdadeiro. Um ambiente desorganizado poderá gerar agitação, desconcentração e inquietude nas pessoas.

Algumas pessoas que demonstram fragilidade psíquica terão enorme dificuldade de conseguir organizar o seu entorno e, provavelmente, precisarão de tratamento psíquico para conseguir um nível satisfatório de organização.

Organizar o ambiente tem grandes benefícios. No processo, não só o espaço externo ficará mais agradável e funcional, como o mundo interno ficará mais atualizado. Cada objeto lembra uma história, e quando se decide que ele não é mais necessário - isso libera energia para o novo, para a vida.

Essa atualização é terapêutica.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário. Sua opinião é importante para nós!

Fique por dentro das novidades

Digite seu endereço de email e fique por dentro das novidades!

O que você procura?

Contato:

suporte@desorganizacao.com.br
Telefone: 11 5524-2014

Destaques no blog

Subir